O amor quando acontece – Poema de Adriana Santiago

“O amor quando acontece a gente esquece que sofreu um dia…”

A gente esquece sim 

E se joga no macio da felicidade 

E se lambuza de beijos e risos 

E se empanturra de esperança e sonhos 

E passeia pela vida 

Como porta-bandeira 

Exibindo orgulhosos 

O troféu mais precioso e desejado  

Por qualquer e toda pessoa 

Desse imenso universo azul 

Mas depois, a vida nos rouba 

Descaradamente, à luz do dia 

Invade nossa casa 

E leva o amor 

E não satisfeita 

Leva junto um pedaço de nós 

E deixa a porta aberta 

Por onde entra um frio de morte 

Com a dureza da tristeza e da desilusão 

E sofremos por dias e dias e dias 

Até que num dia qualquer 

Reparamos no sol que entra pela fresta da janela 

E inunda a casa com sua luz e calor 

E sorrimos 

E fica tudo bem 

E de novo 

Estamos prontos 

Para mais um  

Para Sempre. 

 

(*) “O amor quando acontece a gente esquece que sofreu um dia” – frase extraída da música “Quando o amor acontece” de João Bosco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *